De novo

julho 27, 2008

Nesse clima de descoberta e revelação, perdi de ver o capítulo de ontem. Mas já estou me atualizando e decidindo que não faz mais muita diferença perder um dia, já que todo dia tem reviravolta mesmo. Perder uma só não faz tanta diferença.

Anúncios

julho 26, 2008

Ah, e eu tava me sentindo culpada por gostar da Rita e Maíra, a amiga de ZÉ BOB. Enfiei na cabeça que Christine Fernandes foi ex do Fábio Jr, ficando no mesmo patamar que Mari Alexandre. Mas inventei tudo isso. Christine Fernandes é namorada/casada com Floriano Peixoto, que interpretou o transexual naquela outra novela, e me sinto mais tranquila agora.

Agora, Juliana Paes… não tem desculpa. Eu só queria saber mesmo como ela consegue. Tipo, duas novelas das 8 seguidas e um casamento em setembro, comofas?


Jemt, jemt!

julho 26, 2008

Acordei com a sensação de estar faltando algo. Algo em palavras. E descobri. Como ninguém nesse blog falou sobre a chuva de cuspe de quarta-feira? Silveirinha cuspindo na cara de Donatela, que o sustentou e deu amor e carinho e serviço de casa, por 18 anos? Nossa. Xinga minha mãe, mas não cospe na minha cara. Desloca meu ombro, mas não cospe na minha cara. Chuta meu saco, mas não cospe na minha cara! E Donatela, muito bem, revidou. Despeja Silveirinha de seu próprio apartamento por ter sido burro o suficiente pra não ir atrás da documentação e gastado 18 anos comemorando o fato de não ter precisado falar com Raí e seu financiamento da casa própria da Caixa Econômica Federal. Além de ter cuspido de volta, é claro. You go, Donatela.


Na na na na na…

julho 26, 2008

Faz uns 4 dias que não vejo um capítulo inteiro e isso tem me deixado bem tensa. São tantas coisas acontecendo ao mesmo tempo! Por que Jocilene resolveu trair a amiga e contar tudo pro seodelegado? E a Flora abandonou o papel de inocente pra bancar a do “eae, véi” quando? Donatela toda boazinha e vítima… E a Camila? A pré-adolescente exemplar do Brasil, que estuda ao mesmo tempo que respira. Sem provas de que ela tem pijamas e dorme. Como pode ela saber qual o talher pra peixe? Como? Foda-se o Marcelo, tenho dúvidas demais nesse momento. Quero saber quem foi o infeliz que decidiu que cada personagem só pode ter uma única música. Rárlei e Lara, altos climas de romance e pegação no ar, e surge Vanessa ai ai ai ai da Mata pra perguntar como pode ser gostar de alguém e esse tal alguém não ser seu? Chama o rapaz do Fantástico! Eu voto pela banalização de Sneaker Pimps, hein?


Refletindo

julho 26, 2008

– GENTE. Deu vontade de gritar quando vi aquela linda cena romântica de Sol/Céu dançando tão naturalmente aquela música chatíssima da trilha sonora. E ainda dublou! Me purgou de todos os pecados pregressos. Fez meu dia. Quero logo o vídeo daquela cena pra deixar no repeat eterno toda vez que tiver de mau humor. Quero ver se separo ele quando sair o capítulo de hoje, pra postar aqui em loop.

– E essa é séria. Como Rárlei pode espionar Lara… de dentro da piscina? Alguém tá aproveitando as vantagens do contrato pra curtir o clubinho, né não?

– Ninguém repara que de repente duas pessoas resolveram mudar o depoimento de 18 anos atrás? Tipo, coincidentemente as duas mentiram e estão muito arrependidas? E com cara de medo e terror para as câmeras? Aquele gaguejado suado, os olhos arregalados, a boca seca? Francamente.

E a comilança hormonal no chuveirão foi boa, heim?


Cristo, não.

julho 25, 2008

Eu devo estar na TPM. Ou passando muito tempo em casa. Ou vendo muita televisão. Mas senti uma heresia humana caminhante quando, por alguns breves milesegundos, tive pena de Sol/Céu. Ãi, Cássiãnu, isso é crueldade, por que ocê bêjô eu? E, depois, pra piorar a situação, percebi que gosto mesmo do núcleo do José Meyer. Me açoitei levemente depois de ter rido da cena da espingarda. Acho que já é a segunda vez que me pego fazendo isso, o castigo foi tardio. Mas a verdade é que praticamente qualquer núcleo é mais legal do que os choramingados e corridas Rory Gilmore de Lara e o cabelo de ZÉ BOB. E alguém me explica por que Donatela Faísca fala que nem presidiária e Flora Espoleta lê francês?

Tô desistindo da idéia da irmã gêmea. Talvez tenha sido uma troca de corpos.


Hã.

julho 24, 2008

Halley é filho de Donatela em ‘A Favorita’

Halley (Cauã Reymond) é o filho desaparecido de Donatela (Cláudia Raia), fruto de seu caso extraconjugal com o sogro, Gonçalo (Mauro Mendonça).

A coluna Sessão Extra, da versão online do jornal Extra, conta que o mordomo Silveirinha (Ary Fontoura) seqüestrou o garoto para se vingar de Donatela, que desistiu da dupla sertaneja para se casar com Marcelo. Ele era empresário das duas antes de se tornar um empregado.

Silveirinha entregou Halley a Cilene, que cresceu sem saber de toda a história.

Ao descobrir a verdade, Lara (Mariana Ximenes) ficará com medo de ter cometido incesto com Halley. No entanto, ela é filha de Flora e Marcelo e Halley é filho de Donatela e Gonçalo.

Os capítulos devem ir ao ar assim que Gonçalo, verdadeiro assassino de Marcelo, for descoberto.

Fonte

Gente, a comparação com Melrose Place ali embaixo era só brincadeira, tá?